CARACTERÍSTICAS DE TRANSMISSÃO DA FIBRA ÓPTICA

DISPERSÃO

É uma característica de transmissão que exprime o alargamento dos pulsos transmitidos. Este alargamento determina a largura de banda da fibra óptica, dada em MHz.km, e está relacionada com a capacidade de transmissão de informação das fibras. Os mecanismos básicos de dispersão são
· modal
· cromática

DISPERSÃO MODAL
Este tipo de dispersão só existe em fibras do tipo multimodo (degrau e gradual) e é provocada basicamente pelos vários caminhos possíveis de propagação (modos) que a luz pode ter no núcleo. Numa fibra degrau, todos os modos viajam com a mesma velocidade, pois o índice de refração é constante em todo o núcleo. Logo, os modos de alta ordem (que percorrem caminho mais longo) demorarão mais tempo para sair da fibra do que os modos de baixa ordem. Neste tipo de fibra, a diferença entre os tempos de chegada é dado por
t=Dt1, onde
· t1 é o tempo de propagação do modo de menor ordem
· D é a diferença percentual de índices de refração entre o núcleo e a casca dada por D=(n1-n2)/n1
A dispersão modal inexiste em fibras monomodo pois apenas um modo será guiado.

DISPERSÃO CROMÁTICA
Esse tipo de dispersão depende do comprimento de onda e divide-se em dois tipos
· dispersão material
· dispersão de guia de onda

DISPERSÃO MATERIAL
Como o índice de refração depende do comprimento de onda e como as fontes luminosas existentes não são ideais, ou seja, possuem uma certa largura espectral finita (
Dl), temos que cada comprimento de onda enxerga um valor diferente de índice de refração num determinado ponto, logo cada comprimento de onda viaja no núcleo com velocidade diferente, provocando uma diferença de tempo de percurso, causando a dispersão do impulso luminoso.

DISPERSÃO DE GUIA DE ONDA
Esse tipo de dispersão é provocado por variações nas dimensões do núcleo e variações no perfil de índice de refração ao longo da fibra óptica e depende também do comprimento de onda da luz. Essa dispersão só é percebida em fibras monomodo que tem dispersão material reduzida.

CONCLUSÃO
Os tipos de dispersão que predominam nas fibras são
· degrau: modal (dezenas de MHz.km)
· gradual: modal material (menor que 1 GHz.km)
· monomodo: material guia de onda (10 a 100 GHz.km)

Início da Página